LICURGO – EDUCAÇÃO faz toda a diferença.

Segundo a mitologia grega antiga, Licurgo foi o legendário rei da Arcádia, legislador e brilhante educador militar espartano. Licurgo, foi o fundador da maior parte das instituições políticas, educacionais e militares de Esparta, que fez desta cidade-estado um modelo único entre as cidades da antiga Grécia.

Licurgo de Esparta viveu 70 anos, nasceu no ano 800 a.c. e morreu no ano 730 a.c. Foi o legislador e educador mais influente de todos os tempos. Antes de Licurgo, Esparta não era diferente das demais cidades gregas, mas sob sua influência, Esparta tornou-se um modelo único entre as cidades da antiga Grécia.

Através da influência de Licurgo, Esparta tornou-se referência de como organizar os poderes governantes de um país. Seus princípios de organização de Estado serviriam de base para qualquer cidade-estado, nação ou império. Influenciou desde a organização da República Romana na antiguidade, até a criação dos Estados Unidos na idade contemporânea. Hoje em dia, os poucos países que seguem os princípios de Licurgo tem influência internacional, são estáveis e prósperos, e, acima de tudo, representam e protegem os interesses de seus cidadãos.

A educação espartana era extremamente rigorosa, e tinha como objetivo principal para os meninos formar soldados fortes, valentes e capazes para a guerra, e a função deste tipo de educação para as meninas era formar mulheres saudáveis e fortes, para que pudessem, futuramente, dar à luz a soldados saudáveis e fortes para Esparta.

Conta-se que em certa ocasião os anciãos de Esparta pediram a Licurgo que ministrasse uma palestra sobre o tema ‘EDUCAÇÃO”.

Atendendo ao pedido, Licurgo reuniu os pueris alunos em um ambiente fechado, e mandou colocar uma grande gaiola ao centro, em seguida mandou soltar dentro da gaiola, uma lebre e um cão feroz. Em poucos instantes, diante dos olhos atônitos dos alunos, o violento cão já havia estraçalhado a lebre. Houve um silêncio profundo, como que esperando uma explicação razoável para tamanha crueldade. Em seguida, Licurgo pediu para os alunos voltarem somente depois de 9 meses, para a segunda e última parte da palestra sobre EDUCAÇÃO.

Ao chegar a data marcada, Licurgo reúne novamente os alunos aprendizes, e diante de seus olhos curiosos, manda soltar dentro da gaiola, o mesmo cão e outra lebre. Qual não foi a surpresa dos atônitos alunos, ao contemplarem o outrora voraz cão, brincando com a lebre, sem nenhuma demonstração de violência.

Licurgo então, diante de uma plateia deslumbrada, diz:
“Eis o que faz a EDUCAÇÃO.”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *